SC conquista a 8ª Indicação Geográfica com o reconhecimento da Linguiça Blumenau

SC conquista a 8ª Indicação Geográfica com o reconhecimento da Linguiça Blumenau


Santa Catarina passa a contar com o registro de oito Indicações Geográficas (IGs).O Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) publicou

na terça-feira (6/2),  o reconhecimento para a produção de linguiça de carne suína pura e defumada Blumenau, na espécie Indicação de Procedência (IP). O Selo de Indicação Geográfica valoriza os produtos agrícolas, indica a procedência, respeitando os saberes e fazeres dos produtores locais.

A IG atesta que um produto só tem aquelas características porque é produzido de determinada forma ou porque tem notoriedade na produção. A identificação é um diferencial competitivo que confere ao produto o caráter de exclusividade. “A Epagri, Sebrae e Universidades ajudam a identificar potenciais Indicações Geográficas e a Secretaria de Estado da Agricultura e Pecuária  atesta, após é submetido à certificação do INPI. Santa Catarina têm outras quatro Indicações Geográficas em análise, sete em construção e 17 com potencial. Estamos trabalhando de forma conjunta para alavancar os produtos potenciais do nosso Estado”, afirma o secretário de Estado da Agricultura e Pecuária, Valdir Colatto.

O pedido de reconhecimento foi feito pela Associação das Indústrias Produtoras de Linguiça Blumenau (Alblu), com acompanhamento do Sebrae. Essa conquista abrange 16 municípios catarinenses do Vale do Itajaí e do Alto Vale do Itajaí. Segundo a documentação apresentada ao INPI, a Linguiça Blumenau se estabeleceu como um produto típico da região e gradativamente passou a ser comercializada, alcançando, inclusive, outros estados. A produção da linguiça fresca e defumada abrange o território original do município de Blumenau em 1894. Originalmente, visava o autoconsumo, preservando a carne suína produzida pelos colonos.

A Linguiça Blumenau é fruto das “representações étnicas, típicas, tradicionais e culturais, ligadas ao consumo e ou à produção da linguiça Blumenau na região, portanto, marcados geograficamente pelas ‘festas étnicas da cultura alemã’, onde a gastronomia típica se manifesta com pratos e receitas com a linguiça Blumenau, ou seja, por ativos turístico-culturais como a ‘Rota da Linguiça’, realizada na região”, informa o documento.

As demais Indicações Geográficas (IG) de Santa Catarina são:  Uva Goethe, Banana de Corupá, Queijo Artesanal Serrano, Vinhos de Altitude, Mel de Melato da Bracatinga, Maçã Fuji de São Joaquim, Erva-Mate do Planalto Norte Catarinense e agora a Linguiça Blumenau.

 



Voltar

Comentários




Notícias Relacionadas


Vídeos


Posto de combustíveis é roubado na BR-470

Posto de combustíveis é roubado na BR-470

Projeto de lei endurece punição para praticantes da “Farra do Boi” em SC

Projeto de lei endurece punição para praticantes da “Farra do Boi” em SC

Prefeitura de Taió divulgou cronograma de licitações

Prefeitura de Taió divulgou cronograma de licitações