SAMU alerta sobre os cuidados necessários para fazer trilhas de difícil acesso

SAMU alerta sobre os cuidados necessários para fazer trilhas de difícil acesso


Durante o verão em Santa Catarina, moradores e turistas buscam se aventurar fazendo trilhas em montanhas, morros e cachoeiras. No entanto, é sempre importante observar alguns cuidados para evitar acidentes ou até mesmo o risco de morte. Para garantir a segurança, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), dá algumas dicas para que o passeio seja seguro e divertido.

Antes de iniciar a trilha, o ideal é fazer um estudo prévio do lugar que deseja ir, como condições climáticas, distâncias e grau de dificuldades. Além disso, é preciso ficar atento sobre as condições de saúde e respeitar as limitações do próprio corpo. Outro detalhe importante é comunicar seus planos a alguém de confiança, caso aconteça algum imprevisto, essa pessoa pode ajudar a chamar o socorro.

O equipamento também tem que ser levado em consideração. É necessário usar calçados apropriados, roupas de proteção contra as condições climáticas, suprimentos de emergência, água, comida, mapa e bússola ou GPS. Ter conhecimento básico de primeiros socorros e saber como agir em caso de emergência, é um grande diferencial. Por isso, a importância de carregar um kit de primeiros socorros.

“Tem muita gente fazendo trilhas sem o devido planejamento e ou desacompanhados. Temos registro de várias ocorrências de pessoas que sofreram mal súbito por falta de condicionamento físico, ou por se exporem ao clima. Casos de pessoas que levam animais e crianças, sem água e alimento e se perdem, o que potencializa um acidente. Nossas estatísticas mostram que nos finais de semana temos feito diversos resgates em trilhas de difícil acesso”, ressalta Marcos Antônio Fonseca, Superintendente de Urgência e Emergência.

Para Marcos seguir regras de segurança básicas evita muitos problemas. Tais como não se aventurar sozinho, manter-se na trilha escolhida, respeitar os limites de velocidade em terrenos íngremes e rochosos, e evitar caminhar durante condições climáticas extremas. Ele também aconselha ligar para o número 192, caso haja um acidente. Em áreas sem cobertura de celular, considere o uso de dispositivos de comunicação via satélite ou rádio.

Essas são algumas das precauções básicas que o SAMU alerta aos praticantes de trilhas de difícil acesso. Seguir essas orientações pode ajudar a garantir uma experiência segura e agradável ao ar livre.

ASCOM / SES



Voltar

Comentários




Notícias Relacionadas


Vídeos


Novas aeronaves do Governo de Santa Catarina realizam os primeiros transportes de pacientes

Novas aeronaves do Governo de Santa Catarina realizam os primeiros transportes de pacientes

Santa Catarina registra 30 municípios afetados pelas chuvas e sete em situação de emergência

Santa Catarina registra 30 municípios afetados pelas chuvas e sete em situação de emergência

Santa Catarina atingiu a marca 21 prefeitos eleitos presos por corrupção

Santa Catarina atingiu a marca 21 prefeitos eleitos presos por corrupção