HEMOSC, do Governo do Estado, recebe certificado internacional de Reacreditação de Qualidade

HEMOSC, do Governo do Estado, recebe certificado internacional de Reacreditação de Qualidade


O Centro de Hematologia e Hemoterapia de Santa Catarina (HEMOSC) recebeu a Reacreditação de Qualidade pelos produtos e serviços prestados da Association for the Advancecement of Blood & Biotherapies/Associação Brasileira de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular (AABB/ABHH). O Hemosc é um órgão público do Governo do Estado, vinculado à Secretaria de Estado da Saúde (SES).

O Hemocentro catarinense é referência no Sistema de Gestão de Qualidade e o único do Brasil com três certificações: ISO 9001, que é um selo internacional de qualidade, desde 1998; acreditação pela AABB/ABHH desde 2014; e da Organização Nacional de Acreditação (ONA) nível 1, em 2023.

“Acreditação americana é um diferencial do Hemosc. Somente cinco hemocentros públicos brasileiros possuem esse certificado”, afirma a diretora-geral do Hemosc Patrícia Carsten. De acordo com ela, os padrões da AABB/ABHH são muito rigorosos e obter essa certificação significa que o sangue disponibilizado pelo Hemosc para toda Santa Catarina tem padrão internacional.

O Hemosc é responsável por 99% da coleta e distribuição do sangue em Santa Catarina, com laboratórios de referência, atendimentos a pacientes, ensino e gestão.

“Isso demonstra mais uma vez nosso compromisso com os catarinenses. A excelência dos nossos produtos e serviços é o resultado de um trabalho de muita competência e comprometimento dos nossos 740 colaboradores para os 7,6 milhões de catarinenses. É importante lembrar que a Fahece e a Secretaria de Estado da Saúde fazem parte desta conquista também”, completa Patrícia.

A auditoria ocorreu em agosto de 2023 no Hemosc de Florianópolis. Foram auditados os setores que contemplam as atividades de captação de doadores, coleta de sangue, exames laboratoriais (testes sorológicos, imuno-hematológicos de doadores e receptores e exames hematológicos), produção, distribuição de hemocomponentes, incluindo o controle de qualidade e a transfusão, além das áreas com atividades que se relacionam e impactam na qualidade dos produtos e serviços prestados pelo Hemosc, como gestão de pessoas, convênios, compras, almoxarifado e gestão de equipamentos. O Hemosc atua em hemorrede de modo padronizado em suas unidades.

A Hemorrede é composta por sete hemocentros localizados em Florianópolis, Blumenau, Chapecó, Criciúma, Joaçaba, Joinville e Lages. Possui duas unidades de coleta, uma em Tubarão e outra em Jaraguá do Sul. Também há oito agências transfusionais: Hospital Regional Homero de Miranda Gomes (São José); Hospital Governador Celso Ramos, Hospital Florianópolis, Hospital Infantil Joana de Gusmão (Florianópolis); Hospital Regional do Oeste (Capecó); Hospital Hans Dieter Schmidt (Joinville); Maternidade Tereza Ramos (Lages); e Hospital Dr. Waldomiro Colautti (Ibirama).

 

ASCOM



Voltar

Comentários




Notícias Relacionadas


Vídeos


Você conhece os benefícios que o trigo traz para os agricultores do Alto Vale

Você conhece os benefícios que o trigo traz para os agricultores do Alto Vale

Conselho Nacional dos Direitos Humanos chega a SC para investigar aumento de células nazistas

Conselho Nacional dos Direitos Humanos chega a SC para investigar aumento de células nazistas

Ministério das Cidades libera 50 casas para financiamento habitacional em Taió

Ministério das Cidades libera 50 casas para financiamento habitacional em Taió