Google não irá veicular anúncios com propaganda de políticos nestas eleições

Google não irá veicular anúncios com propaganda de políticos nestas eleições


Em resposta às normativas recentemente aprovadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o Google decidiu não veicular anúncios políticos nas eleições municipais de outubro de 2024. As diretrizes, estabelecidas em fevereiro deste ano, visam restringir o uso de inteligência artificial e conter a disseminação de informações falsas ou distorcidas durante o período eleitoral. A restrição do Google começará em maio, coincidindo com a entrada em vigor das resoluções.

O TSE também exige que as plataformas sociais adotem estratégias eficazes para combater conteúdos que promovam discursos de ódio ou que sejam antidemocráticos. Violações incluem a publicação de declarações racistas, homofóbicas ou nazistas. Além disso, a resolução proíbe expressamente a manipulação de imagens e vozes através de inteligência artificial para criar conteúdos falsos que possam influenciar de forma negativa ou positiva qualquer candidatura.

O Google reafirmou seu compromisso com a integridade do processo eleitoral, declarando que ajustará suas políticas de anúncios para garantir conformidade com as novas regulamentações. A empresa destacou que permanecerá em diálogo constante com as autoridades para discutir essas e outras medidas relativas à sua implementação.

Por: O Blumenauense.



Voltar

Comentários




Notícias Relacionadas


Vídeos


AO VIVO: 2ª COPA TAIÓ DE FUTSAL | FASE DE GRUPOS | 1ª RODADA

AO VIVO: 2ª COPA TAIÓ DE FUTSAL | FASE DE GRUPOS | 1ª RODADA

Alto Vale e Médio Vale receberão R$ 95 milhões de emenda da bancada federal para enfrentar enchentes

Alto Vale e Médio Vale receberão R$ 95 milhões de emenda da bancada federal para enfrentar enchentes

PRF encontra toneladas de maconha em fundo falso de carreta com donativos para o Rio Grande do Sul

PRF encontra toneladas de maconha em fundo falso de carreta com donativos para o Rio Grande do Sul