Em decisão inédita, torcedores são condenados a prisão por racismo contra Vini Jr.

Em decisão inédita, torcedores são condenados a prisão por racismo contra Vini Jr.


Nesta segunda-feira (10), a LaLiga anunciou que três torcedores do Valencia foram condenados a oito meses de prisão na Espanha por ofensas racistas contra Vinicius Jr., proferidas em maio de 2023.

Além da sentença inédita no país europeu, os torcedores também ficarão dois anos sem poder frequentar estádios de futebol em jogos organizados pela Federação Espanhola de Futebol e terão que pagar os custos do processo.

O brasileiro foi chamado de “macaco” pelos espanhois, que tinham sido inicialmente condenados a 12 meses de prisão, mas a pena foi reduzida em um terço após um acordo na fase de investigação preliminar.

O atacante do Real Madrid se pronunciou nas redes sociais e comemorou a punição jamais vista na Espanha.

“Muitos pediram para que eu ignorasse, outros tantos disseram que minha luta era em vão e que eu deveria apenas “jogar futebol”. Mas, como sempre disse, não sou vítima de racismo. Eu sou algoz de racistas. Essa primeira condenação penal da história da Espanha não é por mim. É por todos os pretos. Que os outros racistas tenham medo, vergonha e se escondam nas sombras. Caso contrário, estarei aqui para cobrar. Obrigado a La Liga e ao Real Madrid por ajudarem nessa condenação histórica. Vem mais por aí”, escreveu.

Por OCP News.



Voltar

Comentários




Notícias Relacionadas


Vídeos


Governador aprova incentivos que vão impulsionar 6,3 mil novos empregos e R$ 2,5 bilhões em investim

Governador aprova incentivos que vão impulsionar 6,3 mil novos empregos e R$ 2,5 bilhões em investim

Prefeitos da AMAVI se reuniram com deputados da bancada do Vale do Itajaí

Prefeitos da AMAVI se reuniram com deputados da bancada do Vale do Itajaí

BOM DIA ALTO VALE – 19/06/2024

BOM DIA ALTO VALE – 19/06/2024